Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.24/159
Título: Bullying: Manifestações e implicações na Educação Física e contexto escolar
Autor: Pacheco, Daniel
Barros, Irene
Gonçalves, Francisco
Data: 2013
Editora: II Congresso Internacional de Educação Física do ISMAI
Resumo: Atualmente o bullying é umas das problemáticas mais discutidas no seio da sociedade educativa nacional, não ficando indiferente a quem a visualiza ou presencia. Com o intuito de dar vida e voz a todos aqueles que são vítimas diárias de maus tratos, torna-se indispensável elaborar o perfil de alunos agressores, agredidos e agressores/agredidos em toda a envolvência e conjuntura académica. Este estudo descritivo incidiu sobre os comportamentos de bullying em 408 alunos inquiridos, 211 rapazes e 197 raparigas, do 5º ao 9º ano de escolaridade, através da identificação, definição e caraterização das suas manifestações e implicações em contexto escolar, bem como a nível da Educação Física. A média de idades situou-se nos 12,3 anos, com um desvio padrão de 1,49. Procedeu-se à recolha de dados através da aplicação de um questionário precedentemente validado - adaptação do questionário de Dan Olweus (1989). Os índices de agressividade foram mensuráveis por diferenciação de sexos, comprometendo uma análise minuciosa e pormenorizada a todo o universo populacional. Considerando os resultados obtidos, verificou-se que existem mais alunos agressores masculinos do que femininos, mais alunos agredidos masculinos do que femininos e que as aulas de Educação Física não são propícias a atos deliberados de bullying. O fenómeno incide maioritariamente durante os intervalos, sendo o recreio o local mais propício e vulnerável para a sua ocorrência. Os rapazes assumem um comportamento introvertido, enquanto as raparigas são mais extrovertidas durante o processo de interiorização e exposição do problema. Os agressores são na sua maioria mais velhos, tendo como alvo preferencial alunos - vítimas - mais novos. O nível instrutivo dos pais contribui para uma postura e atitude adequada dos seus filhos em contexto escolar, não sendo causadores ou prevaricadores da problemática em questão.
URI: http://hdl.handle.net/10400.24/159
Aparece nas colecções:Resumos, posters em volume de atas de encontros científicos nacionais e internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Bullying.pdf85,54 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.