Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.24/148
Título: Treino da Velocidade dos Jovens no Voleibol – Exercícios para o Desenvolvimento do Tempo de Reação Complexo e da Velocidade de Execução
Autor: Gonçalves, Francisco
Data: 2014
Editora: A formação de formadores em Educação Física e Desporto. Perspetivas internacionais. Tendências atuais
Resumo: No contexto desportivo, a velocidade tem sido entendida como uma capacidade motora cujo desenvolvimento é fortemente determinado pela faceta genética, o que lhe confere um reduzido potencial de treinabilidade, dai a ideia de que “os velocistas nascem, não se fazem”. Contudo, se bem que neste contexto seja comum dizer-se que já se nasce velocista, nos jogos desportivos colectivos, é possível ser-se rápido sem que se disponha de características de um corredor de velocidade ou de um saltador. No presente trabalho procuramos defender que o desenvolvimento da velocidade no âmbito específico do Voleibol deve ser perspectivado numa lógica da sua expressão no jogo percepcionando as exigências particulares da actividade desenvolvida. Neste sentido é apresentada uma perspectiva centrada na interligação de factores preceptivos, decisionais e motores, cuja configuração implica uma relação da velocidade com os planos técnico e táctico. Ou seja, o que se pretende é levar os atletas de Voleibol a serem mais rápidos e melhores a perceber, a pensar e a agir no contexto de jogo e a partir deste. Devido ao elevado ritmo a que o jogo se processa, o tempo de reacção complexo e velocidade de execução evidenciam uma importância particular no rendimento em Voleibol.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.24/148
Aparece nas colecções:Resumos, posters em volume de atas de encontros científicos nacionais e internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
volei.pdf201,55 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.